sexta-feira, 17 de julho de 2009

POESIA DE RUA

Estive nesta última quarta-feira no Anima Mundi,evento que acontece anualmente por duas semanas consecutivas no Centro Cultural Banco do Brasil aqui do Rio,infelizmente não pude assistir as outras sessões do festival,podendo conferir somente aos filmes da mostra Infantil,na praça animada do Espaço Cultural Correios,que fica ao lado do CCBB.Como era de se esperar,estava lotado com pessoas de diversas idades,muitos estudantes também.

Enquanto aguardava a minha namorada chegar com o seu filho,conheci uma figura ilustre na entrada do espaço,um poeta que lembrava muito o cantor Seu Jorge,só que ao invés de música ele trazia nas mãos dois mini livretos de fabricação artesanal que traziam poemas do próprio..... Com um sorriso no rosto ele oferecia o seu trabalho aos que passavam:"poesia moça...poesia senhora..poesia jovem....",alguns nem olhavam,outros agradeciam e um ou outro davam uma lidinha rápida no material do jovem poeta.

Ele me ofereceu os livretos,só que eu só estava com dinheiro da passagem,mas,mesmo assim,ele disse:"ah,já que você vai ficar aí parado esperando,não custa nada dar uma lidinha,né?'....Pois então,me atrevi...e me deliciei com a espontaneidade e o jogo esperto das palavras com que foram construídos os poemas do rapaz,usando sempre a linguagem urbana das ruas,poemas curtos e diretos....um talento nato.

Perguntei o valor dos livretinhos e ele me disse que era o que eu detreminasse,poxa,pensei: "minha namorada me empresta uns trocadinhos que vou levar"...."o valor que você acha que eles valem,você me dá"-disse ele....paguei R$1,50 pelos dois,mas,se pudesse lógico daria um pouco mais e tenho a certeza de que mesmo se fosse uns cem reais,o trabalho é de uma grandeza e de um valor inestimável.Giovani Baffo é o nome do rapaz.Bem prometi á ele que faria um comentário aqui no blog,pô Giovani camarada,taqui a dívida quitada,mesmo que não pedisse eu iria comentar e de quebra peço a tua permissão p´ra colocar dois poemas teus aqui,ok??É uma honra!!!

Bem esse poema aqui é do livreto intitulado

Perigo:analfabeto funcional funcionando

"....rio e insisto

ás nove e quinze

o relógio da Central

imita o CRISTO..."

Mais um de Giovani Baffo

"...Em casa de menino de rua

o último a dormir apaga a Lua...”

Taí,p´ra mim,muito inspirador..........o poeta é um ser imortal....

3 comentários:

- Hello. ϟ Chan! disse...

Belos poemas *----*'

- Hello. ϟ Chan! disse...

Ah! Obrigada~
volte sempre, Kisuu'

Anônimo disse...

Mais um de Giovani Baffo
"...Em casa de menino de rua
o último a dormir apaga a Lua...”
Taí,p´ra mim,muito inspirador..........o poeta é um ser imortal....

Isso não é dessa pessoa...